Buscar

Notícias

  • 05/05/2021

    Vivo apoia instituição que acolhe mulheres grávidas em situação de vulnerabilidade como parte de campanha de Dia das Mães

    Como parte das inciativas da Vivo para o Dia das Mães, a Fundação Telefônica Vivo irá apoiar o Centro de Acolhida para Gestantes, Mães e Bebês, da Instituição Amparo Maternal, que acolhe e apoia mulheres grávidas em situação de vulnerabilidade, desde o início da gravidez até os seis meses de vida da criança. Em três diferentes iniciativas, a instituição irá receber cerca de R$ 150 mil.

    A Fundação irá fazer uma doação de R$ 100 mil à instituição, que será aplicado em reformas e reparos estruturais, e alimentação das atendidas por até 180 dias. Além disso, a Vivo ainda fará uma campanha pela plataforma Vivo Valoriza, em que os clientes podem doar pontos do programa de relacionamento, que serão revertidos em dinheiro pela Fundação - cada doação, em pontos, será equivalente a um voucher de R$ 25 cada. O objetivo da ação é alcançar R$ 25 mil reais adicionais para instituição, que serão revertidos para garantir alimentação adequada para as 50 gestantes assistidas, com seis refeições diárias pelos próximos cinco meses.

    Para estimular doações por parte de toda a sociedade, a empresa também irá organizar uma campanha de crowdfunding por meio do site www.fundacaotelefonicavivo.org.br/ampareumamae, que, ao longo de todo o mês de maio, aceitará doações de qualquer valor, a partir de 20 reais, para compra de insumos para enxoval: colchões adulto e infantil, carrinho para bebês, aquisição de utensílios de cozinha, além de roupas e calçados de inverno para gestantes e mães. Nesta ação, o objetivo é arrecadar mais R$ 25 mil reais, totalizando uma doação de R$ 150 mil à instituição.

    Associação Amparo Maternal
    Fundada há 82 anos, a Associação Amparo Maternal é uma organização filantrópica que atua na área materno-infantil de Assistência Social em São Paulo. Como parte da instituição, o Centro de Acolhida para Gestantes, Mães e Bebês oferece abrigo provisório e garante proteção integral para gestantes em situação de vulnerabilidade, estendendo-se ao período pós-parto e ao seu filho recém-nascido por até 6 meses.

    Os perfis das acolhidas são os mais diversos: gestantes que sofreram violência física, sexual e psicológica, mulheres em situação de rua, usuárias de substâncias psicoativas (SPAs) e, um perfil que vem crescendo sensivelmente nos últimos anos, refugiadas de outros países. Composto por Assistentes Sociais, Psicólogas, Orientadoras Socioeducativas, Técnicas e Agentes Operacionais, realiza um trabalho social individualizado, contribuindo para restaurar e preservar a integridade da gestante e seu filho, favorecendo o processo de reconstrução de vida e o desenvolvimento de habilidades para autonomia e geração de renda por meio de cursos e oficinas. O serviço funciona 24 horas, ininterruptamente, e o acesso ao acolhimento depende da validação feita pelo CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social), Rede de Serviços Socioassistenciais e Poder Judiciário.

    A campanha tem como objetivo apoiar a instituição para melhoria do ambiente do Centro de Acolhida proporcionando a gestantes, mães e bebês um ambiente e infraestrutura adequados, aspectos fundamentais para o bom desenvolvimento, contribuindo também para autoestima, saúde mental e ressocialização.

    Campanha
    A iniciativa faz parte da campanha para celebrar de Dia das Mães da Vivo, que conta com a co-criação da cantora Ivete Sangalo e da agência VMLY&R, e traz memórias inspiradoras e ensinamentos de mãe para filha. A campanha mostra o lado filha de Ivete, que hoje é mãe de três crianças. No filme, ela abre o baú de recordações e divulga fotos inéditas em família, e reforça os ensinamentos que ainda hoje a inspiram. Com a assinatura "O amor ensina. O amor aproxima", mescla fotos do acervo pessoal da cantora com imagens de participações de Ivete em programas de TV, em que ela fala de sua relação com a mãe. Em iniciativa assinada pela Soko, no digital, a Vivo ainda convidará as pessoas a compartilharem imagens e ensinamentos marcantes que as respectivas mães passaram a cada um. Tudo isso, utilizando a #VivoPorElas e seguindo o exemplo da própria Ivete, que abriu seu baú de recordações para realizar essa homenagem.


voltar
 

© Telefônica S.A.